Ilha dos Amores

Destinos românticos: Ilha dos Amores, Douro, Portugal

Última atualização: março de 2024

Continuamos com a série de dicas sobre lugares românticos e menos conhecidos do mundo. Hoje: Destinos românticos: Ilha dos Amores, Douro, Portugal (ver no google maps)

Pouca gente sabe mas em Portugal existe uma pequena ilha deserta e paradisíaca cheia de lendas de amor. É no Douro, terra de mistérios e lendas, ainda pouco conhecida, mas cheia de encantos e belezas por descobrir.

Origem

A formação desta ilha deve-se à subida do nível da água, algo que aconteceu há anos. Assim “surgiu” esta porção de terra, atualmente com cerca de 29 metros acima do nível do mar e 1400 metros quadrados. Esta ilha, também designada “Ilha do Castelo”, é um testemunho da relação entre o Paiva e o Douro, unindo os distritos do Porto, Aveiro e Viseu.
Claro, não há ilhas sem histórias e contos folclóricos associados, e esta não é exceção. Um não dá mais, fala de um amor proibido vivido por muitos anos entre uma nobre e o filho de um camponês.


O amor era mútuo, mas não comprado para isso, já que alguém de sangue azul nunca deveria se casar com um plebeu. Foram inúmeras as tentativas de atender a devida, sempre reprovação do pároco da nobreza, pondo fim à sua proibição definitiva. A jovem era uma promessa a alguém de sua classe social e o camponês, desfeito por esse fim e pela impossibilidade de ver sua amada, decidiu interromper sua medida: quando viu o nobre que estava prestes a se casar com ela, matou-o e jogou-o no rio para eliminar qualquer evidência de crime.


Ele então se escondeu em uma pequena ilha no rio Douro, a Ilha dos Amores, por vários anos, com medo de ser capturado. Nessa altura comecei a pensar em transportar a sua amada para a ilha, onde poder viver feliz e longe de olhares e opiniões críticas. E assim foi.
No entanto, quando entrei na cordilheira dirigindo de barco para seu novo ninho de amor, se uma grande tempestade e o rio, formando um vórtice, engoliu o barco onde os dois estavam. Alguns dizem que foi o espírito do nobre assassinato vir à tona para vender sua morte.

O que ver e como chegar

proposta é simples. Vá para a ilha com seu ente querido e aprecie o cheiro doce e fresco do lugar, o som do rio fluindo e o canto dos pássaros. Esqueça a agitação da cidade e passeie por um pequeno paraíso natural. Dê um mergulho e desfrute das águas cristalinas e calmas que banham este ilhéu.
Esta ilha tem um pequeno cais, que pode ser feito de barco, existem várias ofertas para lá chegar. Uma vez na ilha, há muitas riquezas naturais para descobrir. Há plantas baixas e árvores altas e imponentes, que revelam a natureza intocada e ainda em seu estado selvagem e genuíno.
Na ilha é possível encontrar diferentes espécies de flora com pinheiro bravo e pinheiro manso, carvalhos, oliveiras, tamargueiras, juncos, freixos, amieiros, entre outros.


Gostou desta matéria sobre Destinos românticos: Ilhas dos Amores? Se sim, por favor, curta abaixo com um Like para que possamos entender melhor os interesses de nossos leitores. E leia mais dicas aqui